Três Desafios no Gerenciamento de Imagens Médicas.

Reading Time: 7 minutes read

Os palestrantes da AHRA 2019 compartilham percepções sobre liderança, funcionários e estresse.

Quais são os principais desafios no gerenciamento de imagens médicas? De acordo com apresentadores conhecedores da AHRA 2019, eles são:

  • Liderança – e muitas vezes falta;
  • Gerenciamento de equipe de imagens médicas;;
  • Lidar com o estresse.

Desafio 1 : Liderança – ou falta dela.

Como em muitos ambientes de trabalho, a liderança adequada é extremadamente valiosa e muitas vezes rara na indústria de imagens médicas. Muitos palestrantes da AHRA atestaram o impacto negativo de gerentes despreparados em cargos em cargos de liderança. Eles enfatizaram a necessidade de desenvolver ou encontrar “unicórnios” que já possuam as habilidades necessárias para ter sucesso como líderes.

A diretoria de serviços de imagens e decano da escola de Radiologia, Wendy J. Stirnkorb observou em sua sessão, “O Vazio da Liderança: Na Caçada aos Unicórnios”, que uma quantidade significativa de gerentes estáo mal preparados para os aspectos de liderança de seus trabalhos.

Em predefinição laranja - imagem de funcionários em uma reunião com um líder em pé na cabeceira da mesa - com texto - "liderança - ou falta dela"

Stirnkorb citou um estudo no qual metade dos dois milhões de colaboradores que ocuparam cargos de liderança deixaram a posição no prazo de um ano. Dos dois milhões que foram promovidos, apenas 13% receberam qualquer treinamento formal de liderança.

Segundo a Stirnkorb, as instalações estão promovendo colaboradores com base em anos de experiência e habilidades técnicas. Em vez disso, eles devem procurar por qualidades de liderança instintivas como confiabilidade, respeito, honra, autenticidade e coabilidade. Ela argumentou que as instalações de imagens médicas precisam ficar de olho nos “unicórnios” que já estão em suas equipes e possuem essas qualidades essenciais, e depois guia-los para papéis de liderança.

Não só a liderança de baixa qualidade impacta os colaboradores, como também pode, infelizmente, impactar os pacientes. Em sua sessão intitulada “O estresse da segurança: Como as experiências no local de trabalho afetaram a segurança do paciente”, Cheryl Turner, EdD, RT, (R) (T) – Fundadora / Professora da Rad-Cast, listou vários estudos sobre os erros oncológicos de radiação observados que resultaram de um erro humano. Fatores como falta de equipe, cansaço,  treinamento deficiente e outros desafios relacionados a seres humanos são problemas comuns nas instalações de imagens e seus pacientes.

Turner argumentou que as soluções começam de cima com a liderança. Ao invés de inserir uma “correção rápida” para o problema como soluções esponjosas, com academias de ginástica e espaços seguros / silenciosos, Turner sugeriu que os líderes mais fortes capacitam seus colaboradores e programam procedimentos de qualidade para reduzir a probabilidade de erros humanos.

Desafio 2: Gerenciando equipe de imagens médicas.

A equipe de qualquer instalação de imagens médicas é crucial para o fluxo de trabalho e, em última análise, para o bem-estar de seus muitos pacientes. Infelizmente, a equipe também pode apresentar problemas e até mesmo custar muito dinheiro para suas instalações.

Ron Jones, MSRS, RT (R, CT), Diretor Regional de Imaging no Magic Valley de San Lucas, fez uma apresentação sobre “Contabilidade forense em administração de radiologia: você está sendo saqueado por dentro?” Ele disse que sempre haverá alguns colaboradores que tentarão tirar proveito de seus empregadores. Seja por meio de “abuso de pagamento” (por exemplo, chamadas ilegítimas para acumular pagamentos de bônus) ou “abuso de cartão” (por exemplo, funcionários que têm alguém que os acusa), esses casos em potencial podem custar muito para sua instalação dentro de um ano.

Em predefinição laranja - 4 punhos se juntando para uma colisão de punho de equipe - com o texto "Gerenciando uma equipe de imagens médicas"

Jones disse que pode ser difícil detectar colaboradores problemáticos. Ele recomendou que os gerentes de imagens médicas permanecessem vigilantes ao conhecer seus sistemas de gerenciamento de tempo, revisando os padrões de pagamento de seus colaboradores e criando uma planilha de execução.

A equipe também pode apresentar conflitos sociais que devem ser tratados. Josh Block, presidente da Block Imaging, disse em sua sessão, “A arte da liderança” de agora em diante, os líderes fortes não devem tomar decisões impulsivas ao lidar com a equipe.

Ele compartilhou um exemplo pessoal sobre um membro da equipe que apresentou um problema. Seu colaborador observou que um detector foi acidentalmente enviado para o local errado e disse que a culpa era de outros colaboradores. Em vez de tomar medidas corretivas e repreender o pessoal identificado pelo reclamante, Block investigou e falou com a equipe. Em sua investigação descobriu que não apenas o assunto estava resolvido, mas a historia não era de modo algum como seu colaborador o descrevera. Se ele tivesse agido impulsivamente e repreendido sua equipe incorretamente sem todas as informações, Block teria danificado seu relacionamento com sua equipe desnecessariamente.

Block também incentivou os gerentes a não terem medo de deixar as pessoas irem embora. Pode ser desconfortável? Absolutamente. No entanto, a redução interna de funcionários que retêm uma equipe ou não suportam seu peso pode ser recebida com uma celebração interna pelo restante da equipe. Não só você verá uma melhor produção da equipe, mas também verá uma melhor camaradagem.

Desafio 3: lidar com o estresse nas imagens médica.

Possivelmente, o elemento mais comum das sessões no AHRA 2019 foi o impacto do estresse sobre os administradores de instalações de imagens médicas. Além do impacto que o estresse pode oferecer na segurança do paciente, o estresse pode se espalhar de várias maneiras e pode vir de muitas fontes diferentes.

Na predefinição de laranja - imagem de uma pessoa meditando

Como mencionado acima, Turner compartilhou exemplos de erros relacionados a humanos que comprometiam a segurança do paciente. Desses erros, o estresse na equipe de imagem era um problema extremamente comum. Essas tensões incluem cargas de trabalho mais pesadas, treinamento inadequado e procedimentos inadequados. Turner sugeriu que os gerentes considerem o impacto desses estressores na segurança do paciente e apresentem soluções realistas. Entre suas sugestões, Turner aconselhou os administradores a apresentar oportunidades de educação continuada para aumentar a confiança do pessoal. Ele também recomendou regularmente encorajar e treinar colaboradores para fazer parte do processo. Por exemplo, se um membro da equipe tiver que apresentar um possível problema relacionado ao trabalho, ele poderá ficar com uma aparência ruim, pois ele manterá o problema só para si. Ao invés disso, a equipe deve ser incentivada a apresentar problemas para que medidas proativas possam ser tomadas para evitar um possível problema. As medidas poderiam ser a reorganização de um horário de trabalho para garantir que os membros da equipe durmam o suficiente entre os turnos ou criem um curso de treinamento para que aprimorem suas habilidades de conscientização. Colaboradores treinados podem levar a um ambiente menos estressante.

Infelizmente, os administradores costumam ser tão estressados (se não mais estressados) do que seus colaboradores. Então, como os administradores lidam com os estressores associados ao seu trabalho muito exigente? O consultor de Liderança de Sistemas Integrados, Mario Rodriguez, MS, forneceu técnicas para reduzir o estresse em sua sessão intitulada “A Arte de Gerenciar Conflitos no local de Trabalho”.

Ele enfatizou a “meditação da atenção plena”, a atividade de se concentrar em sua respiração e depois atrair a atenção de sua mente para o presente, bloqueando o turbilhão de pensamentos e distrações do ambiente. Essa técnica pode ser usada para entender melhor os obstáculos que seu processo de pensamento subconsciente apresenta. Rodriguez aconselha os assistentes do AHRA a começar a praticar a meditação da atenção plena com uma variedade de atividades e, então, encontrar a atividade que melhor lhes convier.

A falta de qualidades de liderança, gestão de funcionários e gerenciamento de estresse foram problemas comuns que ouvi este ano na AHRA. O que você aprendeu? Houve uma sessão que chamou sua atenção? Por favor, compartilhe seus pensamentos na seção de comentários abaixo!

#gerenciamentodeimagensmedicas #AHRA #esgotamentoradiologico #estresseradiologico #gestaoderadiologia

Ryan Vowles é Gerente de Projetos de Marketing e Publicidade da Carestream Health. Saiba mais sobre as soluções de imagens médicas da Carestream.

POST A COMMENT

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.